Eckhart Tolle: A adversidade força você a despertar uma dimensão mais profunda de quem você é

O professor espiritual Eckhart Tolle diz que o medo é um certo pensamento que você projeta em um momento futuro.

No momento, todos nós estamos passando por uma crise. O planeta inteiro enfrenta uma adversidade há algum tempo. É por isso que este vídeo motivacional do professor espiritual Eckhart Tolle tem tanta relevância.



Tolle diz que todos nós inevitavelmente enfrentaremos adversidades em nossa vida - seja em um nível pessoal ou coletivo, como agora. E se não formos fundo o suficiente, isso nos devastará. Mesmo que você não adoeça ou contraia o vírus, o medo vai consumir você, pois está consumindo milhões de humanos atualmente, ele comenta.

O que é medo?



Tolle acredita que o medo é um certo pensamento que a pessoa projeta em um momento futuro. E você não está presente, porque se você estivesse presente, você perceberia que, neste momento, não há nada a temer. Somente quando você sai deste momento, o medo surge como uma forma de pensamento, que então cria uma emoção, ele observa.



Tolle então leva o espectador / ouvinte a um estado meditativo para processar melhor os pensamentos e se tornar mais consciente.

A adversidade força você a despertar para a dimensão mais profunda de quem você é. Por que a adversidade o força? Porque a vida se torna quase insuportável quando você vive apenas na superfície, na superfície das percepções sensoriais e em sua mente conceitual. E aí você ouve os noticiários, lê todo tipo de coisa, e todo mundo fica com medo, comenta ele.

Você está em um estado de extrema ansiedade, embora nada realmente tenha acontecido ainda ... ele aponta.



Tolle prossegue, dizendo que devemos voltar ao momento presente. Esteja ciente de sua respiração. O corpo está vivo, e essa energia, essa energia vital que permeia o corpo, sinta isso. Você está respirando, sente a vivacidade do corpo, está ciente das percepções dos sentidos, olha ao redor - sim, presente. E então você se torna ciente daquela presença que é inseparável de quem você é, diz ele.